CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

Site Oficial
da Confederação
Brasileira de
Handebol

CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

Buscar

CBHb no Facebook CBHb no Twitter CBHb no YouTube CBHb no Instagram

Seleção Feminina é destaque na premiação de melhores atletas do Pan-Americano

Brasil teve três jogadoras no all star team da competição em Cuba

Jaqueline Anastácio foi a melhor armadora esquerda

Havana (Cuba) - O Pan-Americano de Handebol de Havana terminou com a Seleção Feminina campeã depois de um jogo eletrizante contra as cubanas, na noite desta quinta-feira (28). Além do título, três atletas brasileiras levaram para casa o prêmio de melhor jogadora da posição. Jéssica Oliveira foi considerada a melhor goleira, Jaqueline Anastácio a melhor armadora esquerda e Samira Rocha a melhor ponta esquerda.

Para Samira, a premiação foi uma surpresa. "Realmente não esperava ser premiada. Quebrei o dedinho da mão direita no jogo contra o Paraguai e joguei muito pouco na fase decisiva. Vim para cá com esse objetivo de ser a melhor ponta esquerda, mas depois da minha lesão no dedo pensei que não daria mais. Fico feliz por ter ajudado a equipe enquanto foi possível", afirmou.

Já Jaqueline, ficou muito contente pela conquista. "Foi uma sensação maravilhosa. O objetivo principal era contribuir com o grupo. Acredito que eu me doando para a equipe e recebendo o apoio de todo mundo ajudou bastante. Mas, com certeza, não conquistei sozinha. Todas as meninas me ajudaram a ganhar esse título", disse.

Enquanto isso, Jéssica Oliveira falou da grande responsabilidade que carregava. "Foi o meu segundo campeonato oficial com a Seleção Adulta, mas o primeiro que realmente pude jogar. A gente vem com a responsabilidade de ganhar pelos bons resultados do Brasil nas últimas competições. Senti um pouco de pressão, mas estou feliz pelo prêmio e pelo campeonato", declarou.

Além das brasileiras, as cubanas Glennis Reyes e Eyatne Rizo ganharam, respectivamente, o prêmio de melhor ponta-direta e melhor central, a argentina Antonela Mena foi a melhor pivô e a porto-riquenha Nathaly Ceballo a melhor armadora direita. A Federação Pan-Americana não fez eleição para a melhor jogadora da competição.

Seleção Brasileira Feminina

Goleiras: Jacqueline Oliveira Santana (Toulon - França) e Jéssica Silva de Oliveira (AAU/Handebol Concórdia - SC)

Centrais: Francielle Gomes da Rocha (Hyppo Nö - Áustria) e Gabriela Pessoa Constantino (EC Pinheiros - SP)

Armadoras: Adriana do Nascimento Lima (MKS Zaglebier Lubin - Polônia), Amanda Claudino de Andrade (AAU/Handebol Concórdia - SC), Jaqueline Anastácio (Ringkobing Handbold - Dinamarca), Karoline Helena de Souza (Nykobing F. Handboldklub - Dinamarca) e Vitória dos Santos de Macedo (FAB/Vila Olímpica - RJ)

Pontas: Célia Janete Costa Coppi (Metodista/São Bernardo - SP), Jéssica da Silva Quintino (MKS Selgros Lublin - Polônia), Larissa Fais Munhoz Araujo (Apahand/UCS/Caxias - RS) e Samira Pereira da Silva Rocha (OGC Nice - França)

Pivôs: Daniela de Oliveira Piedade (Siofok KC - Hungria), Fabiana Carvalho Carneiro Diniz (Nantes Loire Atlantique - França) e Tamires Morena Lima de Araujo (Gyori Audi ETO - Hungria)

Apoiador Oficial

Cola Oficial

Apoio

Links

CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol