CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

Site Oficial
da Confederação
Brasileira de
Handebol

CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

Buscar

CBHb no Facebook CBHb no Twitter CBHb no YouTube CBHb no Instagram

Brasil garante vitória ampla sobre Estados Unidos na estreia do Pan Feminino

Próximas adversárias das brasileiras serão as colombianas nesta segunda-feira (19)

Da redação, Santo André (SP) - O Brasil conquistou uma grande vitória neste domingo (18) na estreia do Pan-Americano Feminino de Handebol, disputado em Buenos Aires, Argentina. As atuais campeãs derrotaram os Estados Unidos por 42 a 10 (17 a 7 no primeiro tempo) e assumiram a liderança do grupo A. O campeonato garante vaga aos três primeiros colocados para o Mundial da Alemanha, em dezembro.

Como já era esperado por conta da estreia, a equipe demorou alguns minutos para acertar o jogo, mas ainda assim, conseguiu fazer três gols, enquanto os Estados Unidos não colocaram a bola na rede até os sete minutos. A defesa norte-americana também não estava funcionando, dando várias chances às brasileiras. Passado algum tempo, o jogo começou a se encaixar melhor ainda para o Brasil e o time deslanchou, abrindo já dez gols até o final do primeiro tempo.

Na segunda parte, o técnico Sérgio Graciano fez algumas mudanças no grupo que entrou em quadra. A defesa cresceu bastante e não deixou as oponentes jogarem. O resultado foi que em 15 minutos, as norte-americanas fizeram apenas um gol. Em compensação, o ataque brasileiro também funcionou muito bem, com várias roubos de bola e a diferença no placar cresceu ainda mais.

Graciano analisou positivamente a estreia da equipe e disse que o time soube fazer a leitura do jogo de forma rápida. Isso facilitou a elasticidade do placar. "A partida começou mais ou menos equilibrada, mas conseguimos rapidamente saber as trajetórias da equipe dos Estados Unidos e dificultar o jogo delas, roubar a bola e dar mais profundidade na defesa. Nossas goleiras tiveram menos trabalho porque conseguimos interceptar bastante bolas e fazer contra-ataques. Com isso, criamos grandes chances de fazer gol de um contra o goleiro e conseguimos um bom placar."

Ele afirma que o resultado saiu como o esperado e agora o time tem que manter a estratégia para a sequência do campeonato. Amanhã, o Brasil enfrenta a Colômbia, às 20h. "O resultado foi dentro do que propusemos para esse primeiro jogo. Amanhã a proposta é a mesma. Tentar tirar as linhas de passe do adversário, não deixá-las jogar e tentar fazer o máximo de gols possíveis em contra-ataque", antecipou Graciano.

A central Ana Paula concordou com o treinador com relação à estratégia de jogo. "Acho que foi um bom jogo. Fizemos o trabalho que nos propusemos de uma boa maneira. Acho que foi uma partida com muita defesa e contra-ataques. Não fizemos muito mais que isso. Tivemos poucos ataques posicionais. Vamos entrar para jogar da mesma maneira com todos os adversários. Não vamos subestimar a nenhuma Seleção."

Ela deixou claro o objetivo da equipe de sair da competição com o primeiro lugar. "Viemos conquistar o primeiro lugar. Queremos ganhar. Sabemos que vai ser difícil. Há outras boas equipes, mas vamos lutar até o final para sair daqui com o troféu", acrescentou.

Além do resultado de Brasil e Estados Unidos, a primeira rodada contou também com vitórias do Paraguai sobre a Colômbia (35 a 17), do Chile sobre a República Dominicana (33 a 11) e da Argentina sobre a Guatemala (43 a 14).

Programação e resultados do Pan-Americano

Domingo (18)
Paraguai 35 x 17 Colômbia 
Chile 33 x 11 República Dominicana 
Argentina 43 x 14 Guatemala
Brasil 42 x 10 Estados Unidos

Segunda-feira (19)
13h30 - Estados Unidos x Porto Rico
15h30 - Guatemala x Uruguai
18h - República Dominicana x Argentina 
20h - Colômbia x Brasil

Terça-feira (20)
13h30 - Uruguai x República Dominicana 
15h30 - Colômbia x Porto Rico
18h - Chile x Argentina
20h - Paraguai x Brasil

Quarta-feira (21)
13h - República Dominicana x Guatemala 
15h - Estados Unidos x Colômbia 
17h - Paraguai x Porto Rico
19h - Uruguai x Chile

Quinta-feira (22)
14h30 - Paraguai x Estados Unidos
16h30 - Chile x Guatemala 
19h - Brasil x Porto Rico 
21h - Argentina x Uruguai

Sábado (24)
Semifinais

Domingo (24)
Finais


Seleção Brasileira Feminina de Handebol


Goleiras - Bárbara Arenhart (Vaci NKSE-Hungria), Jéssica Silva de Oliveira (São Bernardo-SP).

Armadoras - Amanda de Souza Caetano (Abluhand/FURB-SC), Bruna de Paula (Fleury Loiret Handball-França), Deonise Fachinello (HC Odense-Dinamarca), Eduarda Amorim (Gyor Audi ETO-Hungria) e Patrícia Batista da Silva (Kastamonu Genclik SK-Turquia).

Centrais - Ana Paula Rodrigues Belo (Rostov-Rússia), Danielle Cristina Joia (EC Pinheiros-SP) e Mayara Fier de Moura (EC Pinheiros-SP).

Pontas - Dayane Pires da Rocha (São Bernardo-SP), Jéssica Quintino (HC Odense-Dinamarca), Mariana Costa (Nykobing HandboldKub-Dinamarca) e Samira Rocha (Kisvarda Master Good SE-Macedônia).

Pivôs - Tamires Anselmo Costa (EC Pinheiros-SP) e Tamires Morena de Araújo (CDB Cercle Dijon Bourgogne-França).

Comissão técnica
Técnico: Sérgio Luiz Graciano
Assistente técnico: Daniel Suarez (Cubano)
Assistente técnico : Cristiano Rocha
Médica: Pauline Bittencourt
Fisioterapeuta: Marina Calister
Nutricionista: Júlia do Valle Bargieri
Massoterapeuta: Aparecida Rocha
Supervisor: Álvaro Herdeiro

Patrocinador Oficial

Apoiador Oficial

Cola Oficial

Bola Oficial

Apoio

Links

CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

GA Negócios do Esporte

Criação de sites PWI