CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

Site Oficial
da Confederação
Brasileira de
Handebol

CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

Buscar

CBHb no Facebook CBHb no Twitter CBHb no YouTube CBHb no Instagram

Brasil encara segundo desafio no Mundial Júnior Masculino

Seleção enfrenta a Tunísia, nesta quinta-feira (20), em busca da segunda vitória

Seleção enfrenta a Tunísia

Da redação, Santo André (SP) - Nesta quinta-feira (20), a Seleção Júnior Masculina de Handebol encara seu segundo desafio no Campeonato Mundial, que teve início ontem, na Argélia. Os adversários da segunda rodada são os tunisianos, que assim como o Brasil integram o grupo C. O confronto está marcado para as 12h (horário de Brasília).

Na estreia, a equipe brasileira fez um jogo duro contra a Espanha, mas por alguns erros, principalmente no ataque, acabou sendo superado (29 a 21). Já a Tunísia garantiu um resultado a seu favor, com ampla vantagem sobre Burkina Faso (50 a 17), teoricamente o adversário mais frágil da chave, que disputa um Mundial da modalidade pela primeira vez.

A Tunísia é o atual campeão africano na categoria e tem um estilo de jogo bastante duro. Por conta do grande saldo de gols já na primeira rodada, lidera o grupo C. A Espanha vem em segundo lugar, seguida por Macedônia, Brasil e Burkina Faso.

O confronto de amanhã pode ajudar o Brasil a melhorar sua classificação para buscar um lugar nas oitavas de final. O técnico Hélio Lisboa Justino destaca que, para enfrentar os africanos, é preciso concentração, pois deverá ser uma partida forte.

"Será uma partida difícil amanhã contra a Tunísia, que ganhou a primeira com facilidade. Eles vêm bastante fortes. Já nos enfrentamos outras vezes em campeonatos anteriores, como no juvenil. Ganhamos os jogos que fizemos contra eles, mas falei para os atletas que agora é outro campeonato e precisamos estar concentrados."

O treinador frisou que é importante corrigir as falhas que o Brasil teve na primeira rodada para conquistar a vitória. "Cometemos alguns erros na estreia e, no treino de hoje, os meninos foram orientados para não cometer os mesmos erros, porque o adversário deve explorar isso. Precisamos defender forte para contra-atacar", disse.

"Eles (Tunísia) usam uma defesa 6:0 com uma flutuação bastante grande. A equipe está muito tranquila e tenho certeza de que se defendermos bem e colocarmos as bolas dentro do gol, acho que sairemos com um resultado positivo. Porque nós estamos criando, mas precisamos acertar as finalizações. Espero que todos venham bem tranquilos para o jogo, porque a estreia já passou, precisamos vencer esse jogo para dar um passo rumo às oitavas."

Resultados - grupo C

Terça-feira (18)
Espanha 29 x 21 Brasil
Tunísia 50 x 17 Burkina Faso
Macedônia 29 x 22 Rússia

Programação - grupo C
*Horário de Brasília

Quinta-feira (20)

12h - Brasil x Tunísia 
14h - Rússia x Espanha 
16h - Macedônia x Burkina Faso

Sexta-feira (21)
10h - Brasil X Rússia 
12h - Espanha X Burkina Faso
14h - Tunísia X Macedônia

Domingo (23)
12h - Tunísia X Rússia 
14h - Macedônia X Espanha 
16h - Burkina Faso X Brasil

Segunda-feira (24)
10h - Espanha X Tunísia 
12h - Burkina Faso X Rússia
14h - Macedônia X Brasil

Quarta-feira (26)
Oitavas de final

Quinta-feira (27)
Quartas de final

Sábado (29)
Semifinais

Domingo (30)
Finais

Seleção Brasileira Júnior Masculina

Goleiros - Marcos Vinícios Colodeti (São Bernardo/ADC Metodista-SP) e Rangel Luan da Rosa (HC Odorhei-Romênia)

Armadores - André Gonçalves de Lima Amorim (BM Villa de Aranda-Espanha), Gabriel Ceretta Jung (F.C. Barcelona-Espanha), Guilherme Leonel Costa da Silva (E.C. Pinheiros-SP), João Guilherme Perbelini Ribeiro (E.C. Pinheiros-SP), Leonardo Dutra Ferreira (E.C. Pinheiros-SP) e Patrick André Toniazzo Lemos (Futebol Clube do Porto-Portugal).

Centrais - Henrique José Petter Solenta (BM Villa de Aranda-Espanha) e Leonardo Abrahão Silveira (EC Pinheiros-SP)

Pontas - Marcos Vinícius Vieira dos Santos (Sport Club do Recife/J-PE), Pedro Paulo Alves Umbelina Júnior (MRV Unicesumar Londrina-PR), Cauê Ceccon Baptista (E.C. Pinheiros-SP) e Guilherme Miguel Laranjeiro Torriani (Taubaté/FAB/Unitau-SP).

Pivôs - Edney Silva Oliveira (P.M. Maringá/Unimed/Unifamma-PR); Márcio Alan da Silva Maildo (CS Chenois Geneve Handball-Suíça)

Comissão técnica

Técnico: Hélio Lisboa Justino
Auxiliar técnico: Joel Teixeira Dutra
Treinador de goleiro: Diogo Castro
Fisioterapeuta: Gustavo Pereira Barbosa
Supervisora: Cláudia Pereira Sampaio Mota
Coordenador nacional de seleções: Washington Nunes

Patrocinador Oficial

Apoiador Oficial

Cola Oficial

Bola Oficial

Apoio

Links

CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

GA Negócios do Esporte

Criação de sites PWI